segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Nossos maiores adversários





Os dez maiores obstáculos que dificultam nossa jornada diária:

1- A Língua
- Quando dela se utiliza para apontar faltas alheias.

2- Os olhos

- Para medir os centímetros que a vaidade pode reparar nos semelhantes.

3- O Pensamento

- No instante que vagueia solto sem o cabresto da disciplina.

4- O Desânimo

- Congelador natural das melhores intenções.

5- A Vingança

- Arremessadora das farpas mentais de alcance e consequências imprevisíveis.

6- A Desconfiança

- Na razão que desconhece o semelhante que procura trabalhar incessantemente a favor dos outros.

7- O medo

- Se nos isolarmos no remorso sem procurar avançar apesar dos obstáculos.

8- A Fofoca

- Na medida que acreditamos e julgamos saber mais da vida alheia que da nossa.

9- O Orgulho

- Ao patrocinarmos a divisão entre as pessoas e colocarmos o personalismo acima da fraternidade.

10- O- Egoísmo

- Com a intenção de buscarmos o privilégio, acreditando que Deus nos elegeu como criatura superior às demais.

Analisando nossas maiores dificuldades íntimas, chegamos a conclusão que elas se encontram dominadas pelas próprias imperfeições e escondidas diante de nossa consciência.

Qualquer exame mais apurado à luz do Cristianismo Redivivo nos convidará a exercer a caridade do auto-aperfeiçoamento para a erradicação delas.
**************************
**Lucio **





domingo, 21 de dezembro de 2014

Seja Otimista



Ser otimista é perseverar sempre com pensamentos positivos.

Ser otimista é conquistar a modificação
através de pensamentos elevados.

Ser otimista é enxergar nas dificuldades
uma porta sempre aberta para a solução.

Ser otimista é superar os próprios medos.

Ser otimista é perceber a luz Divina
que está sempre nos favorecendo.

Ser otimista é reconhecer que sempre precisamos de mudança.

Ser otimista é trabalhar a melhora interior
com a certeza do êxito.

Ser otimista não é apenas dar uma palavra positiva.

É necessário que o otimismo esteja realmente em seu coração. 
 
 Por hoje procure ver em todas as situações que passar,
o lado positivo, pois desta forma estará trabalhando em seu interior,
o tamanho do seu Otimismo.
****************************
Gotas de Paz
 



 

sábado, 20 de dezembro de 2014

Sejam quais forem



Sejam quais forem os impedimentos ou provações que te assinalem a vida, asserena o espírito na fé viva e permanece na tarefa que te foi reservada, porquanto, sempre que estejamos guardando paciência e confiança em nossos obstáculos, trabalhando e servindo na prestação de auxílio para liquidar fraternalmente os problemas dos outros, Deus em regime de urgência liquidará também os nossos.

Encontras-te na situação mais adequada às realizações que te dizem respeito à vida espiritual.

O clima social em que se te instalam as atividades é a paisagem na qual dispões dos melhores recursos de experiência.

Solidão é tempo de muda nos mecanismos da alma.

Aceita-te como és e aceita a vida em que deves estar, na condição em que te vês, a fim de que faças em ti o burilamento possível.

Surge quem te faça chorar.
Deus, porém, te consola.

Há quem te fira.
No entanto, Deus te restaura.

Não contes amarguras.
Considera as bênçãos que usufruis.

Espera trabalhando.
As oportunidades para a construção do bem procedem de Deus.
O aproveitamento está em nós.
**************
Emmanuel
Chico Xavier





sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Anotações Preventivas


Retome o seu dia, buscando olvidar as ocorrências infelizes da véspera.
A casa protegida, habitualmente, promove faxinas pela manhã.

Se alguém se lhe fixou na mente como sendo um ponto enfermiço,
envolva a imagem desse alguém no bálsamo da prece.
Uma chaga no corpo exige recurso cicatrizante.

Lance boatos e injúrias ao cesto do esquecimento.
A moradia claramente limpa reclama a presença do esgoto.

Abstenha-se de entreter assuntos alusivos à delinquência.
Ninguém lava as mãos num vaso de lama.

Dissipe tentações no calor do trabalho.
As aranhas não resistem ao espanador em movimento.

Ganhe distância dos ambientes que lhe incitem a alma à distorção e ao desequilíbrio.
Não se lembraria você de banhar-se num pântano.

Evite comentários deprimentes.
Você não serviria um bolo envenenado aos amigos.

Resguardemos o coração nas fontes do Bem, pensemos no Bem e procuremos falar e agir para o Bem, porque servir ao Bem dos outros é a melhor forma de atividade preventiva contra enfermidade e perturbação nos domínios da nossa vida mental.
******************
André Luiz 
Chico Xavier 
 
 





quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Sábias Decisões


A grandeza da alma se reflete na ação das pequenas coisas.

Quanto mais desce para servir, mais se eleva na realização.

Nem sempre os heróis são aqueles que se revelaram nos graves momentos da Humanidade, pela atuação decisiva.

Existem incontáveis lidadores que impulsionam o homem e a sociedade no rumo do grande bem, através de contínuos sacrifícios que passam ignorados e, sem os quais, o caos se estabeleceria dominador.

Os discutidores inoperantes consideram em demasia o valor das palavras, perdendo o tempo útil que poderia ser aplicado nas ações relevantes.

Nos debates estéreis dizem o que não amadureceram pensando, quando poderiam agir bem, assim melhor ensinando.

Quem não pode revelar-se numa grande realização, sempre dispõe de meios para manifestar-se nas pequenas ações.

Se não possui recursos para acabar com a fome geral, pode atendê-la em uma pessoa necessitada; se não consegue resolver o problema das enfermidades, deve socorrer um doente; 
não logrando acabar com a miséria, dispõe-se a minorá-la naqueles que defronta e padecem-lhe a injunção.

Não é imprescindível estar presente nos grandes momentos da História, todavia, é importante facilitá-los para os outros, desde hoje, com a sua contribuição.

Jesus não quis vencer no mundo, antes, porém, venceu o mundo repleto de paixões amesquinhantes.
************************
Joanna de Ângelis





quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Nunca fales





Nunca fales sem primeiro observar o que vai sair da tua boca. A tua responsabilidade

é muito grande pelo que falas aos outros. A força mental que se transforma

em ideias é carregada de magnetismo emprestado pelos teus sentimentos. A tua mente é um

campo de fusões eletromagnéticas, de onde partem todos os pensamentos que se consubstanciam

em mensagens para os que te ouvem, levando a tua marca. Portanto, deves responder

pela carga dos que recebem tuas palavras. Se a tua mente for educada, o retorno será de

paz. Se não vigiares o que dizes e a indisciplina encontrar ambiente condizente com a desordem,

a própria natureza devolverá o que deres aos teus companheiros, acentuando, de volta,

as formas afins às tuas ideias.

Nunca fales mal de ninguém, mesmo que te encontres atingido pela maledicência

alheia. Nunca penses ao contrário das leis do Amor, mesmo que o ambiente em que

vives seja propício às conversações negativas. O papel do homem de Bem é vigiar a si mesmo

no que pensa, fala e faz, pois o maior beneficiado é quem se educa, e quem disciplina a si

mesmo.

Tudo o que fizeres de bom, saído da nobreza da tua alma, estarás fazendo

exclusivamente para ti. Tu serás o maior premiado. Quem cumpre o dever não está fazendo

nada mais do que o próprio dever. Nunca penses e nunca fales que és um portador de luzes

para a humanidade. Cada um cuida da sua própria conduta. Se falares sobre o que fazes de

bom, começas a corromper o Bem que intentas realizar. E quando anunciamos alguma coisa

do grau de Caridade a que atingimos a vaidade não deixa de aumentar as proporções que

não foram atingidas, distorcendo a verdade, caímos na depressão urdida pela mentira e a

consciência nos cobra o que deixamos de fazer e que anunciamos aos outros sem ter feito.

Colocamos uma lente no bem que tentamos fazer e fazemos questão de mostrar a quem passa,

tentando colocar viseiras nos olhos dos nossos companheiros, no que se refere aos nossos

atos indignos. Tudo isso são ilusões. Estamos enganando a nós mesmos, porque ninguém

engana as leis e nem Quem as fez.

O orgulho e a vaidade estragam muitas vidas. O orgulhoso e o vaidoso não

desconfiam que os outros estão observando e analisando o que falam a mais do que realmente

são. Se és verdadeiramente um benfeitor da coletividade, pelos exemplos e pelas ações,

não te apresses em divulgar isso, porque o próprio ar se encarrega de transmitir os teus valores,

os próprios objetivos ao teu derredor denunciam e refletem as luzes que se desprendem

do teu coração.

A autovalorização é falta de discernimento e escassez de educação. Tu és

o que és e nada mais. Se intentas anunciar o que fazes, o que foi feito apresenta falsificações

nas suas mais íntimas estruturas. Quem fala muito sobre o que fez tem o intuito de esconder

os erros que sempre estão às vistas dos observadores. O santo sempre nega seus feitos,

mesmo os benefícios que atingiram a humanidade e, quando não tem outro jeito, responde

que é um dever seu fazer o Bem e, se isso é caridade, está fazendo por bem de si mesmo.

Isso não ocorre com o ignorante, que sempre quer mostrar o que não é.

Fala menos de ti mesmo e, quando não suportares ficar calado, fala das tuas

próprias deficiências, mesmo que não tenhas coragem de falar de todas. Dize o que a tua

coragem permitir e o teu coração suportar. Mas nunca fales sem pensar o que vais dizer.
************************
LANCELLIN
João Nunes Maia







terça-feira, 16 de dezembro de 2014

A Maior Diferença



Aquilo que mais te diferencia na Terra, perante a Vida Superior, para efeito de promoção espiritual, não será tanto:

haver renascido em um corpo mutilado ou enfermiço;

trazer graves conflitos psicológicos;

residir num lar difícil;

inquietar-te com familiares-problemas;

agüentar frustrações e contratempos;

experimentar o sarcasmo público;

facear críticas injustas;

tolerar humilhações e pedradas;

suportar injúrias ou acusações descabidas;

conhecer a deserção de colaboradores e companheiros;

lutar incessantemente contra

as próprias tendências inferiores;

observar-te sob constante processo obsessivo;

carregar tropeços e desenganos.

O que mais te destaca, no Plano Físico, ante a Vida Maior, com vistas à aquisição de melhoria e aperfeiçoamento, no rumo da Espiritualidade Superior, será sofrer na área de semelhantes provações e prosseguir trabalhando e servindo, em auxílio aos outros, na prosperidade do Bem Eterno. 
**********************
Albino Teixeira
Chico Xavier





segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Todas as dores terminam



Não se deixe abater pela tristeza.

Todas as dores terminam.

Aguarde que o Tempo, com suas mãos cheias de bálsamo, traga o alívio.

A ação do Tempo é infalível, e nos guia suavemente pelo caminho certo, aliviando nossas

dores, assim como a brisa leve abranda o calor do verão.

Mais depressa do que supõe, você terá a resposta, na consolação que necessita.

*******************
Pastorino 





domingo, 14 de dezembro de 2014

Paciência



Quem atingiu a essência do sagrado entendeu que a autêntica religião é, acima de tudo, uma "realidade interna", porque expressa as nossas mais íntimas relações com Deus.


O despertar da religiosidade proporciona a paz de espírito. Paciência é um estado de alma em que a criatura não é atingido pelas inquietações ou irritabilidades, visto que se libertou do desassossego e da agitação do ego.

(...)

A religião vai muito além dos limites do intelecto, no entanto não o refuta nem o contesta. A genuína religiosidade não se vincula a nenhuma organização externa; ela nos remete ao despertar íntimo, ao relacionamento com a própria alma.
*************************
Hammed